Estes são os graves danos que um bebê sofre quando a mãe chora durante a gravidez!



A gravidez é uma das fases mais marcantes na vida de uma mulher.

É nesse período que as emoções afloram porque os hormônios estão totalmente alterados.

Infelizmente, essa situação pode ser perigosa para o bebê.

É por isso que toda família deve contribuir para que a gestante não sofra com tristeza, estresse ou brigas.

Devemos levar em consideração que um ambiente conturbado não só prejudica a mulher, como também afeta o desenvolvimento mental e físico do embrião.

Por exemplo, se a mãe chora, o filho também sente os impactos.
Isso é comprovado cientificamente.

Estas 8 dicas vão ativar sua tireoide, estimular seu metabolismo e fazer você emagrecer mais rápido!
Especialistas revelam 6 segredos para você acertar na criação dos seus filhos!

Os bebês são muito sensíveis e podem sentir tudo o que a mãe sente.

A conexão é muito forte, afinal, a criança está dentro da mãe.

É por isso que os médicos recomendam que as mulheres grávidas mantenham uma vida estável e feliz.

Caso contrário, veja o que pode acontecer:

1. Impacto sensorial negativo

Quando a gestante é uma pessoa muito triste, o sistema imunológico do bebê é enfraquecido.


Ou seja, o feto é exposto a doenças e outros problemas de saúde durante e depois da gravidez.

É importante saber que, embora o bebê não conheça as emoções, ele as sente e sofre.


gravidez_-_maes_e_filhos.jpg
image: https://www.curapelanatureza.com.br/sites/default/files/media-upload/gravidez_-_maes_e_filhos.jpg

2. Eles conhecem o estado psicológico da mãe

Mudanças de humor, hiperatividade e ansiedade podem ser passadas para o bebê já na gravidez.

Por isso devemos tomar precauções o mais rápido possível.

3. Falta de apego

Os transtornos depressivos sofridos pela mãe durante e após a gravidez podem criar uma falta de apego por parte dela em relação ao bebê.

No entanto, isso não é culpa dela.

Não é intencional, é apenas uma reação natural do corpo depois de tantas mudanças emocionais bruscas.

Acontece que os bebês precisam de muita atenção e se isso não acontece, eles podem crescer como crianças frias, que não gostam de manifestação de carinho.

4. Aprendizagem lenta e medo do mundo

O QI da criança é muito afetado quando a mãe se sente deprimida.

Isso porque ela libera um hormônio chamado cortisol, que prejudica muito o estado mental do bebê.

De alguma forma, o feto sente que ele chegará a um mundo cheio de perigos e rejeições.

Por essas e muitas outras razões, é necessário que, se você estiver grávida, tente ficar calma o tempo todo.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Leia mais em https://www.curapelanatureza.com.br/post/04/2018/estes-sao-os-graves-danos-que-um-bebe-sofre-quando-mae-chora-durante-gravidez#hgWbYu65wpyF1ThW.99


Você também vai gostar: